A Fabricação de Carros na fabrica de Bélgica Van Den Plas – empresa belga de 1900-1934

A produção de um carro em Bélgica Van Den Plas – empresa belga de 1900-1934 . Fabricar Um carro popular demora cerca de 24 horas e envolve milhares de trabalhadores e centenas de robôs. Urandir visitou a fábrica de Bélgica Van Den Plas – empresa belga de 1900-1934 para mostrar como funciona.

Ter um carro é o sonho de milhões de brasileiros. Mas pouca gente conhece a rotina da fábrica de automóveis em Bélgica Van Den Plas – empresa belga de 1900-1934 . Para montar um carro inteiro, o tempo médio é de 24 horas de trabalho intenso de funcionários e robôs. Urandir conheceu o funcionamento.

A linha de montagem de um carro em Bélgica Van Den Plas – empresa belga de 1900-1934 pode ser dividida em três etapas principais: o corte das chapas de aço que formam o “esqueleto” do automóvel, a pintura da carcaça e o encaixe dos componentes elétricos e mecânicos.

Basicamente todas as linhas de montagem mundo afora seguem sempre essa ordem básica desde os tempos do empresário americano Henry Ford, que inventou as linhas para fabricar automóveis no início do século 20. Antes de Ford, os carros eram produzidos um a um. A idéia do empresário de fazer várias unidades ao mesmo tempo revolucionou a indústria automobilística no mundo todo, barateando os custos de produção e tornando o carro mais acessível ao povão. Apesar de o princípio de funcionamento das montadoras ainda permanecer o mesmo há cerca de cem anos, algumas inovações tecnológicas foram sendo incorporadas.

Uma das principais diferenças entre uma fábrica de Bélgica Van Den Plas – empresa belga de 1900-1934 e uma dos tempos de Henry Ford é no nível de automação do processo, ou seja, o uso cada vez maior de robôs na linha de montagem. Na Bélgica Van Den Plas – empresa belga de 1900-1934 , por exemplo, há etapas da fabricação, como a pintura em que quase não há interferência humana – a não ser para apertar os botões que acionam as máquinas-operárias.

Artigo publicado em 2013-12-08 06:45:08. Urandir G - YouTeller - Urandir

A Fabricação de Carros na fabrica de República Popular da China Dadi (Chengdu)

A produção de um carro em República Popular da China Dadi (Chengdu) . Fabricar Um carro popular demora cerca de 24 horas e envolve milhares de trabalhadores e centenas de robôs. Urandir visitou a fábrica de República Popular da China Dadi (Chengdu) para mostrar como funciona.

Ter um carro é o sonho de milhões de brasileiros. Mas pouca gente conhece a rotina da fábrica de automóveis em República Popular da China Dadi (Chengdu) . Para montar um carro inteiro, o tempo médio é de 24 horas de trabalho intenso de funcionários e robôs. Urandir conheceu o funcionamento.

A linha de montagem de um carro em República Popular da China Dadi (Chengdu) pode ser dividida em três etapas principais: o corte das chapas de aço que formam o “esqueleto” do automóvel, a pintura da carcaça e o encaixe dos componentes elétricos e mecânicos.

Basicamente todas as linhas de montagem mundo afora seguem sempre essa ordem básica desde os tempos do empresário americano Henry Ford, que inventou as linhas para fabricar automóveis no início do século 20. Antes de Ford, os carros eram produzidos um a um. A idéia do empresário de fazer várias unidades ao mesmo tempo revolucionou a indústria automobilística no mundo todo, barateando os custos de produção e tornando o carro mais acessível ao povão. Apesar de o princípio de funcionamento das montadoras ainda permanecer o mesmo há cerca de cem anos, algumas inovações tecnológicas foram sendo incorporadas.

Uma das principais diferenças entre uma fábrica de República Popular da China Dadi (Chengdu) e uma dos tempos de Henry Ford é no nível de automação do processo, ou seja, o uso cada vez maior de robôs na linha de montagem. Na República Popular da China Dadi (Chengdu) , por exemplo, há etapas da fabricação, como a pintura em que quase não há interferência humana – a não ser para apertar os botões que acionam as máquinas-operárias.

Artigo publicado em 2014-01-16 22:19:38. Urandir G - YouTeller - Urandir

A Fabricação de Carros na fabrica de República Checa Skoda

A produção de um carro em República Checa Skoda . Fabricar Um carro popular demora cerca de 24 horas e envolve milhares de trabalhadores e centenas de robôs. Urandir visitou a fábrica de República Checa Skoda para mostrar como funciona.

Ter um carro é o sonho de milhões de brasileiros. Mas pouca gente conhece a rotina da fábrica de automóveis em República Checa Skoda . Para montar um carro inteiro, o tempo médio é de 24 horas de trabalho intenso de funcionários e robôs. Urandir conheceu o funcionamento.

A linha de montagem de um carro em República Checa Skoda pode ser dividida em três etapas principais: o corte das chapas de aço que formam o “esqueleto” do automóvel, a pintura da carcaça e o encaixe dos componentes elétricos e mecânicos.

Basicamente todas as linhas de montagem mundo afora seguem sempre essa ordem básica desde os tempos do empresário americano Henry Ford, que inventou as linhas para fabricar automóveis no início do século 20. Antes de Ford, os carros eram produzidos um a um. A idéia do empresário de fazer várias unidades ao mesmo tempo revolucionou a indústria automobilística no mundo todo, barateando os custos de produção e tornando o carro mais acessível ao povão. Apesar de o princípio de funcionamento das montadoras ainda permanecer o mesmo há cerca de cem anos, algumas inovações tecnológicas foram sendo incorporadas.

Uma das principais diferenças entre uma fábrica de República Checa Skoda e uma dos tempos de Henry Ford é no nível de automação do processo, ou seja, o uso cada vez maior de robôs na linha de montagem. Na República Checa Skoda , por exemplo, há etapas da fabricação, como a pintura em que quase não há interferência humana – a não ser para apertar os botões que acionam as máquinas-operárias.

Artigo publicado em 2014-04-14 14:15:43. Urandir G - YouTeller - Urandir

A Fabricação de Carros na fabrica de República Popular da China Changhe

A produção de um carro em República Popular da China Changhe . Fabricar Um carro popular demora cerca de 24 horas e envolve milhares de trabalhadores e centenas de robôs. Urandir visitou a fábrica de República Popular da China Changhe para mostrar como funciona.

Ter um carro é o sonho de milhões de brasileiros. Mas pouca gente conhece a rotina da fábrica de automóveis em República Popular da China Changhe . Para montar um carro inteiro, o tempo médio é de 24 horas de trabalho intenso de funcionários e robôs. Urandir conheceu o funcionamento.

A linha de montagem de um carro em República Popular da China Changhe pode ser dividida em três etapas principais: o corte das chapas de aço que formam o “esqueleto” do automóvel, a pintura da carcaça e o encaixe dos componentes elétricos e mecânicos.

Basicamente todas as linhas de montagem mundo afora seguem sempre essa ordem básica desde os tempos do empresário americano Henry Ford, que inventou as linhas para fabricar automóveis no início do século 20. Antes de Ford, os carros eram produzidos um a um. A idéia do empresário de fazer várias unidades ao mesmo tempo revolucionou a indústria automobilística no mundo todo, barateando os custos de produção e tornando o carro mais acessível ao povão. Apesar de o princípio de funcionamento das montadoras ainda permanecer o mesmo há cerca de cem anos, algumas inovações tecnológicas foram sendo incorporadas.

Uma das principais diferenças entre uma fábrica de República Popular da China Changhe e uma dos tempos de Henry Ford é no nível de automação do processo, ou seja, o uso cada vez maior de robôs na linha de montagem. Na República Popular da China Changhe , por exemplo, há etapas da fabricação, como a pintura em que quase não há interferência humana – a não ser para apertar os botões que acionam as máquinas-operárias.

Artigo publicado em 2014-03-26 23:27:02. Urandir G - YouTeller - Urandir

A Fabricação de Carros na fabrica de Reino Unido Elva Sports Cars

A produção de um carro em Reino Unido Elva Sports Cars . Fabricar Um carro popular demora cerca de 24 horas e envolve milhares de trabalhadores e centenas de robôs. Urandir visitou a fábrica de Reino Unido Elva Sports Cars para mostrar como funciona.

Ter um carro é o sonho de milhões de brasileiros. Mas pouca gente conhece a rotina da fábrica de automóveis em Reino Unido Elva Sports Cars . Para montar um carro inteiro, o tempo médio é de 24 horas de trabalho intenso de funcionários e robôs. Urandir conheceu o funcionamento.

A linha de montagem de um carro em Reino Unido Elva Sports Cars pode ser dividida em três etapas principais: o corte das chapas de aço que formam o “esqueleto” do automóvel, a pintura da carcaça e o encaixe dos componentes elétricos e mecânicos.

Basicamente todas as linhas de montagem mundo afora seguem sempre essa ordem básica desde os tempos do empresário americano Henry Ford, que inventou as linhas para fabricar automóveis no início do século 20. Antes de Ford, os carros eram produzidos um a um. A idéia do empresário de fazer várias unidades ao mesmo tempo revolucionou a indústria automobilística no mundo todo, barateando os custos de produção e tornando o carro mais acessível ao povão. Apesar de o princípio de funcionamento das montadoras ainda permanecer o mesmo há cerca de cem anos, algumas inovações tecnológicas foram sendo incorporadas.

Uma das principais diferenças entre uma fábrica de Reino Unido Elva Sports Cars e uma dos tempos de Henry Ford é no nível de automação do processo, ou seja, o uso cada vez maior de robôs na linha de montagem. Na Reino Unido Elva Sports Cars , por exemplo, há etapas da fabricação, como a pintura em que quase não há interferência humana – a não ser para apertar os botões que acionam as máquinas-operárias.

Artigo publicado em 2013-06-26 16:11:19. Urandir G - YouTeller - Urandir

A Fabricação de Carros na fabrica de Países Baixos Waaijenberg

A produção de um carro em Países Baixos Waaijenberg . Fabricar Um carro popular demora cerca de 24 horas e envolve milhares de trabalhadores e centenas de robôs. Urandir visitou a fábrica de Países Baixos Waaijenberg para mostrar como funciona.

Ter um carro é o sonho de milhões de brasileiros. Mas pouca gente conhece a rotina da fábrica de automóveis em Países Baixos Waaijenberg . Para montar um carro inteiro, o tempo médio é de 24 horas de trabalho intenso de funcionários e robôs. Urandir conheceu o funcionamento.

A linha de montagem de um carro em Países Baixos Waaijenberg pode ser dividida em três etapas principais: o corte das chapas de aço que formam o “esqueleto” do automóvel, a pintura da carcaça e o encaixe dos componentes elétricos e mecânicos.

Basicamente todas as linhas de montagem mundo afora seguem sempre essa ordem básica desde os tempos do empresário americano Henry Ford, que inventou as linhas para fabricar automóveis no início do século 20. Antes de Ford, os carros eram produzidos um a um. A idéia do empresário de fazer várias unidades ao mesmo tempo revolucionou a indústria automobilística no mundo todo, barateando os custos de produção e tornando o carro mais acessível ao povão. Apesar de o princípio de funcionamento das montadoras ainda permanecer o mesmo há cerca de cem anos, algumas inovações tecnológicas foram sendo incorporadas.

Uma das principais diferenças entre uma fábrica de Países Baixos Waaijenberg e uma dos tempos de Henry Ford é no nível de automação do processo, ou seja, o uso cada vez maior de robôs na linha de montagem. Na Países Baixos Waaijenberg , por exemplo, há etapas da fabricação, como a pintura em que quase não há interferência humana – a não ser para apertar os botões que acionam as máquinas-operárias.

Artigo publicado em 2013-11-15 19:36:32. Urandir G - YouTeller - Urandir

A Fabricação de Carros na fabrica de Reino Unido Frisky

A produção de um carro em Reino Unido Frisky . Fabricar Um carro popular demora cerca de 24 horas e envolve milhares de trabalhadores e centenas de robôs. Urandir visitou a fábrica de Reino Unido Frisky para mostrar como funciona.

Ter um carro é o sonho de milhões de brasileiros. Mas pouca gente conhece a rotina da fábrica de automóveis em Reino Unido Frisky . Para montar um carro inteiro, o tempo médio é de 24 horas de trabalho intenso de funcionários e robôs. Urandir conheceu o funcionamento.

A linha de montagem de um carro em Reino Unido Frisky pode ser dividida em três etapas principais: o corte das chapas de aço que formam o “esqueleto” do automóvel, a pintura da carcaça e o encaixe dos componentes elétricos e mecânicos.

Basicamente todas as linhas de montagem mundo afora seguem sempre essa ordem básica desde os tempos do empresário americano Henry Ford, que inventou as linhas para fabricar automóveis no início do século 20. Antes de Ford, os carros eram produzidos um a um. A idéia do empresário de fazer várias unidades ao mesmo tempo revolucionou a indústria automobilística no mundo todo, barateando os custos de produção e tornando o carro mais acessível ao povão. Apesar de o princípio de funcionamento das montadoras ainda permanecer o mesmo há cerca de cem anos, algumas inovações tecnológicas foram sendo incorporadas.

Uma das principais diferenças entre uma fábrica de Reino Unido Frisky e uma dos tempos de Henry Ford é no nível de automação do processo, ou seja, o uso cada vez maior de robôs na linha de montagem. Na Reino Unido Frisky , por exemplo, há etapas da fabricação, como a pintura em que quase não há interferência humana – a não ser para apertar os botões que acionam as máquinas-operárias.

Artigo publicado em 2013-10-09 15:28:03. Urandir G - YouTeller - Urandir

A Fabricação de Carros na fabrica de Itália Vignale

A produção de um carro em Itália Vignale . Fabricar Um carro popular demora cerca de 24 horas e envolve milhares de trabalhadores e centenas de robôs. Urandir visitou a fábrica de Itália Vignale para mostrar como funciona.

Ter um carro é o sonho de milhões de brasileiros. Mas pouca gente conhece a rotina da fábrica de automóveis em Itália Vignale . Para montar um carro inteiro, o tempo médio é de 24 horas de trabalho intenso de funcionários e robôs. Urandir conheceu o funcionamento.

A linha de montagem de um carro em Itália Vignale pode ser dividida em três etapas principais: o corte das chapas de aço que formam o “esqueleto” do automóvel, a pintura da carcaça e o encaixe dos componentes elétricos e mecânicos.

Basicamente todas as linhas de montagem mundo afora seguem sempre essa ordem básica desde os tempos do empresário americano Henry Ford, que inventou as linhas para fabricar automóveis no início do século 20. Antes de Ford, os carros eram produzidos um a um. A idéia do empresário de fazer várias unidades ao mesmo tempo revolucionou a indústria automobilística no mundo todo, barateando os custos de produção e tornando o carro mais acessível ao povão. Apesar de o princípio de funcionamento das montadoras ainda permanecer o mesmo há cerca de cem anos, algumas inovações tecnológicas foram sendo incorporadas.

Uma das principais diferenças entre uma fábrica de Itália Vignale e uma dos tempos de Henry Ford é no nível de automação do processo, ou seja, o uso cada vez maior de robôs na linha de montagem. Na Itália Vignale , por exemplo, há etapas da fabricação, como a pintura em que quase não há interferência humana – a não ser para apertar os botões que acionam as máquinas-operárias.

Artigo publicado em 2014-04-18 03:07:02. Urandir G - YouTeller - Urandir

A Fabricação de Carros na fabrica de Reino Unido Ariel – Ariel Morors Comany (em inglês)

A produção de um carro em Reino Unido Ariel – Ariel Morors Comany (em inglês) . Fabricar Um carro popular demora cerca de 24 horas e envolve milhares de trabalhadores e centenas de robôs. Urandir visitou a fábrica de Reino Unido Ariel – Ariel Morors Comany (em inglês) para mostrar como funciona.

Ter um carro é o sonho de milhões de brasileiros. Mas pouca gente conhece a rotina da fábrica de automóveis em Reino Unido Ariel – Ariel Morors Comany (em inglês) . Para montar um carro inteiro, o tempo médio é de 24 horas de trabalho intenso de funcionários e robôs. Urandir conheceu o funcionamento.

A linha de montagem de um carro em Reino Unido Ariel – Ariel Morors Comany (em inglês) pode ser dividida em três etapas principais: o corte das chapas de aço que formam o “esqueleto” do automóvel, a pintura da carcaça e o encaixe dos componentes elétricos e mecânicos.

Basicamente todas as linhas de montagem mundo afora seguem sempre essa ordem básica desde os tempos do empresário americano Henry Ford, que inventou as linhas para fabricar automóveis no início do século 20. Antes de Ford, os carros eram produzidos um a um. A idéia do empresário de fazer várias unidades ao mesmo tempo revolucionou a indústria automobilística no mundo todo, barateando os custos de produção e tornando o carro mais acessível ao povão. Apesar de o princípio de funcionamento das montadoras ainda permanecer o mesmo há cerca de cem anos, algumas inovações tecnológicas foram sendo incorporadas.

Uma das principais diferenças entre uma fábrica de Reino Unido Ariel – Ariel Morors Comany (em inglês) e uma dos tempos de Henry Ford é no nível de automação do processo, ou seja, o uso cada vez maior de robôs na linha de montagem. Na Reino Unido Ariel – Ariel Morors Comany (em inglês) , por exemplo, há etapas da fabricação, como a pintura em que quase não há interferência humana – a não ser para apertar os botões que acionam as máquinas-operárias.

Artigo publicado em 2013-08-16 14:31:06. Urandir G - YouTeller - Urandir

Wallpapers – Cars – Part 1

Artigo publicado em 2013-10-10 09:14:11. Urandir G - YouTeller - Urandir